Jorge Martins Cardoso

 

Um eterno aprendiz



Textos

A LIBERDADE... A VERDADE... A VIDA... "O ADVOGADO ZANONE Manuel de OLIVEIRA Júnior seria o 'ADVOGADO dos CINCO CRIMES'"? - (13ª parte).






A LIBERDADE... A VERDADE... A VIDA... “O ADVOGADO ZANONE Manuel de OLIVEIRA Júnior seria ‘O ADVOGADO dos CINCO CRIMES’”? - (13ª parte).




A Rede “Boba” de Televisão, as Novelas, o Futebol, as “Marias Chuteiras” e o Caso do Assassinato Cruel de Eliza Samúdio (3º ato).





Revendo alguns acontecimentos.


    
     1º - 1º de janeiro de 1999 - Após comprar votos de deputados e senadores obtendo o “DIREITO” de ser candidato à REELEIÇÃO (“Emendando” a CONSTITUIÇÃO), o Presidente Ateu, Maconheiro, Sociólogo e “Civil” FHC, conseguiu ser REELEITO, e, no dia 1º de janeiro de 1999 é reempossado como Presidente da República.
     2º - 18 de janeiro de 1999 - A Rede “Bobo” de Televisão passa a transmitir em “horário nobre” a telenovela “Suave Veneno”, que se estenderia até o dia 17 de setembro de 1999, durando aproximadamente oito meses. “O SUAVE VENENO” estará completando 20 anos de “aniversário” em janeiro próximo (2019).
     3º - 18 de janeiro de 1999 – Quando teve início a telenovela, a jovem atriz DÉBORAH SECCO (civil) ao interpretar seu papel de Marina (Garota de Programa, Modelo e “Maria Chuteira”), tinha apenas 19 anos. Ela nasceu no dia 26 de novembro de 1979 no Rio de Janeiro – Rio de Janeiro.
     4º - 18 de janeiro de 1999 – Quando teve início a novela, a então “fanática” mini-telespectadora ELIZA SILVA SAMÚDIO (civil) tinha apenas 13 anos. Ela nasceu no dia 22 de fevereiro de 1985 em Foz do Iguaçu – Paraná. Com esta idade ela residia com o seu pai o arquiteto LUIZ CARLOS SAMÚDIO (civil). Na condição de ARQUITETO ele tinha condições financeiras de possuir em sua casa uma boa TELEVISÃO.        
     5º - 18 de janeiro de 1999 – Quando teve início o folhetim, a atriz-mirim CECÍLIA DASSI (civil) tinha apenas nove anos. Ela nasceu no dia 06 de dezembro de 1989 em Esteio – Rio Grande do Sul. Na novela ela fez o papel de Patrícia Cerqueira Figueira, Patrícia Maria ou Patty, e é filha da VILÃ Maria Regina Berganti de Cerqueira e Figueira (LETÍCIA SPILLER) – (civil) - e de Álvaro Figueira (KADU MOLITERNO) – (civil).
     Álvaro Figueira tinha um romance “secreto” com Carlota Valdez (BETTY FARIA) – (civil) – que era viúva de um Major (militar) que nunca apareceu na novela nem em sonhos. Álvaro Figueira era usuário de CHARUTOS, fornecido por Carlota Valdez.   Na novela é mencionada a compra de CHARUTOS, inclusive “cubanos”.
     Emiliana ou simplesmente Nana (NÍVEA MARIA) – (civil) - era uma socialite “falida” e uma inveterada FUMANTE de CIGARROS.
     Felisberto Morel mais conhecido por Gato (NUNO LEAL MAIA) – (civil) – Bar do Gato -, inicialmente apaixonado por Carlota Valdez. Terminou a novela com Emiliana (uma espécie de “Dona Flor e Seus Dois Maridos”) que se casou com um senhor de idade avançada. Uma nítida “Apologia à Bigamia (a-1) Feminina”. Se, no passado os homens eram frequentemente bígamos, então as mulheres também podem exercer a bigamia. Numa boa!  
     Renildo Soares (RODRIGO FARO) – (civil) - jogava num time de futebol holandês, voltou para o Brasil e passou a jogar como ídolo do FLAMENGO após a assinatura de um contrato milionário. Famoso e com muito dinheiro Marina (DÉBORAH SECCO) – (civil) - termina se interessando por ele. Na novela, o final dos dois é um FINAL FELIZ.
     E tinha de ser uma FINAL FELIZ. Afinal, a Rede Bola de Televisão não pode perder o dinheiro e nem os patrocinadores, e, nem manchar a “reputação” dos jogadores de futebol, da FIFAGATE, da CBFGATE e nem dos CARTOLASGATE. No entanto, a maioria deles são corruptos e são civis. Toma lá dá cá a DINHEIRAMA. O CIRCO fica pro povo.
     Cenas de nudez, boate, bebedeira e danças eróticas são relativamente frequentes por parte de Marina. Exemplo: - Cenas logo no 3º capítulo. Outras por parte de Eliete Soares (NÍVEA STELMANN) – (civil), outra atriz da novela também bem jovem. Exemplo: - Cenas logo no 4º capítulo. Algo parecido com “Apologia ao Sexo Precoce”. O que era incomum passou a ser comum, segundo a “Vênus Platinada”.
     NÍVEA STELMANN (civil) nasceu no dia 06 de abril de 1974 em Paraíba do Sul – Rio de Janeiro. Começou a atuar como modelo quando tinha apenas 16 anos de idade (1990). Em 1993 atuou no seriado Família Brasil da extinta TV Manchete, quando tinha 19 anos. Começou a atuar na novela “SUAVE VENENO” (em janeiro de 1999) quando tinha apenas 24 anos.
     Na novela, o sonho dela é desfilar e vencer o concurso da “Garota do Bumbum Dourado” patrocinado não se sabe por quem e se apresentar no Programa do Domingão do Bost...
     As novelas da Rede Globo fazem propaganda dos programas da Rede Globo. E, os programas da Rede Globo fazem propaganda das novelas da Rede Globo. As outras emissoras também fazem a mesma coisa.  
     Na vida pessoal e real de NÍVEA STELMANN - (civil), ela se casou com o ator MÁRIO FRIAS - (civil), com quem teve um filho. Separou-se. Namorou com o diretor MARCOS PAULO – (civil). Depois ficou com o Empresário EDUARDO AZER - (civil). Namorou o ator THIERRY FIGUEIRA (civil). Deixou-o. Namorou o jogador de futebol ELANO – (civil) – (este caso foi parar na justiça). Atualmente está com o Empresário MARCUS ROCHA (civil), com quem teve uma filha.
     Com apenas 44 anos de idade ela já tem dois filhos (um menino e uma menina) e seis namorados na sua vida. O que era no passado uma coisa anormal passou a ser uma coisa normal, segundo a “Vênus Platinada”.
     Muitos atores e muitas atrizes trocam de mulheres e de maridos como quem troca de sapatos. Sendo assim, o escriba, precisando de muito dinheiro, pretende colocar sapatarias espalhadas por todo o Brasil. Vou ganhar bastante dinheiro em cima de atores e atrizes.
     Os donos da Rede Globo julgam-se os donos do povo brasileiro.
     Existe um ditado popular que diz: - “Burro velho gosta de capim novo”. Talvez por esta razão eles utilizem atrizes muito jovens para atraírem os telespectadores burros e velhos. Talvez...
     Hoje o ditado pode ser modificado um pouco. Assim... “Burra velha gosta de capim novo”. Refiro-me a uma apresentadora da própria Rede Globo que está apaixonada por um “capim novo”. O problema é da Emissora, da “burra velha” e do “capim novo”.
     Os “tiros” disparados pela “Vênus Platinada” estão começando a acertar “os próprios pés”!
     Todos os povos têm as suas tradições. E, um povo sem tradição é um povo infeliz.
     Dizem que as crianças não mentem. Na maioria dos casos realmente não mentem. Pois na novela “SUAVE VENENO”, a Rede Globo ensinou uma criança de nove anos a mentir para a opinião pública. Refiro-me a atriz-mirim CECÍLIA DASSI (civil) que interpreta Patrícia Cerqueira Figueira a Patty, a filha da VILÃ Maria Regina.
     Num dos capítulos iniciais, Patty estava à beira da piscina conversando com o irmão e com uma empregada quando passa afobadamente Emiliana ou Nana, aquela fumante inveterada de CIGARROS. A Patty diz: - Ela é assim por causa do CIGARRO que a está deixando PARANÓICA (a-2). Algo assim.
     Numa novela que passou há quase vinte anos atrás, como poderia uma criança de apenas NOVE ANOS de IDADE, saber que CIGARROS poderiam provocar PARANÓIA? A VILÃ Maria Regina é mixuruca em relação à VILANIA da Rede Globo de Televisão!  
     Em outro capítulo, (metade da novela mais ou menos), ocorre um diálogo entre Nana e Gato nas proximidades do “Bar do Gato”. Nana queria comprar CIGARROS de qualquer jeito. Num bar, botequim, vendinha, etc.  
     Gato disse: - Eu tenho um bar e lá eu vendo CIGARROS. E foram ao bar.    
     Gato diz: - Fumar faz mal a saúde.
     Nana replica: - O Ministério da Saúde adverte!
     Gato diz: - CIGARRO é o suicídio lento.
     Nana responde: - É por causa da Síndrome de Abstinência. E Nana continua. - É porque você nunca fumou.
     Gato diz: - É o que a senhora pensa. Eu fumava quatro maços de CIGARROS por dia.
     Nana: - Parou por causa do enfisema?
     Gato responde: - Não! Parei porque estava diminuindo meu paladar. E eu gosto de sentir o sabor das comidas.        
     Depois de Nana terminar o CIGARRO Gato diz: - Matou a vontade da NICOTINA. E mudaram de assunto.
     A conversa, o diálogo entre dois adultos ainda é aceitável, mesmo que os ATORES não saibam cientificamente o que é o TABAGISMO!
     Agora usar uma CRIANÇA de apenas NOVE ANOS de IDADE para soltar uma MENTIRA DESLAVADA - (afirmar que o TABACO provoca paranóia) -, para todo o Brasil ouvir, num “horário dito nobre”? Coisa da “Vênus Platinada”.
     A culpa não é da CRIANÇA e nem dos dois ATORES em questão! A culpa é dos AUTORES da novela, dos donos da emissora ou de “forças ocultas”.
     Alguém falou de forças ocultas? E quem era o Presidente da República na época da novela? O ex-maconheiro ou ainda maconheiro FHC que é ligado ao bilionário financista, GEORGE SOROS. É ele quem financia inúmeras ONGs, para disseminar outras drogas ilícitas, mundo afora, muito mais prejudiciais à saúde.  
     Sobre tal assunto, o jornalista, escritor, filósofo e professor OLAVO de CARVALHO, também aborda este assunto com maestria em um dos seus vídeos.  
     Da mesma forma que pesa sobre a Rede Record de Televisão, a forte suspeita de ter sido comprada na época, com a ajuda do DINHEIRO de NARCOTRAFICANTES da Colômbia, hoje, começa a pesar sobre a Rede Globo de Televisão e seus penduricalhos a suspeita de estar recebendo ajuda financeira de TRAFICANTES de DROGAS ILÍCITAS de vários países.
     Pelo menos em seus TELEJORNAIS e até em alguns programas de ENTRETENIMENTO – Fátima Bernardes entende bem do assunto – bandidos, marginais e até traficantes de drogas são mais bem tratados do que as Forças de Segurança de nossa pátria. Ficou bem entendido, civis!
     Não é por acaso que hoje em dia a maioria dos blogueiros está chamando a Rede Globo de Televisão de GLOBOLIXO, GLOBOESGOTO ou Rede GOEBELLES (a-3).

     (a-1) – Bigamia – Um homem ter um relacionamento com duas mulheres ao mesmo tempo. O escriba por questões de fórum íntimo já foi bígamo por alguns anos. Hoje em dia nem pensar. Hoje a bigamia feminina está extremamente comum. Objetivo: - Destruir os valores culturais e morais da civilização judaico-cristã.      
     (a-2) – Paranóica – É quando uma pessoa é desconfiada ou é muito desconfiada. Às vezes apresenta delírios de perseguição. Beirando à esquizofrenia.  
     (a-3) – GOEBELLES – Refere-se ao nazista JOSEPH GOEBELLES o “chefão” da propaganda do regime nazista. “Uma mentira repetida mil vezes se transforma numa verdade”. É o que a “Vênus Platinada” faz atualmente. No caso da Rede “Boba” não chega a repetir mil vezes. Mas, repetem dezenas de vezes certos temas. O povo (circo) pega fogo! Uma frase muito repetida “insinuando” a traição: - “Não existe casamento perfeito”...

     Em um dos capítulos finais ocorre o seguinte: - Depois de muitas brigas idiotas, o criador e dono da MARMOREAL, Waldomiro (JOSÉ WILKER) - (civil), impedido pela filha vilã (Maria Regina) de assumir a presidência da empresa, decide fundar uma nova marmoraria. E consegue.
     Para tanto, convida para trabalhar com ele Álvaro Figueira seu genro – ou ex-genro (aquele que gostava de CHARUTOS cubanos ou falsificados). Na MARMOREAL ele trabalhava com trajes de executivo (terno, gravata, etc.). Na nova marmoraria ele passa a trabalhar como peão (roupa mais rude e cheio de poeira).
     Certo dia Álvaro Figueira vai pegar a filha (Patty) na escola, com um carro mais velho e com os trajes rudes. Percebendo a “metamorfose” do pai a Patty diz: - Luta de classes? Comunismo? O pai, espantado, olha para a filha e pergunta-lhe: - Onde você aprendeu isso? Patty responde: - Na escola com a professora de história.          
     Portanto, há aproximadamente vinte anos atrás, numa novela das vinte horas “horário nobre”, no governo do Sociólogo FHC – ou seria SOCIOPATA? – a Rede GOEBELLES – faz com que uma CRIANÇA de apenas NOVE ANOS de IDADE entre num tema que foge completamente à grade curricular tradicional. Estava criada a “Escola com Partido”. Doutrinar as crianças para a “luta de classes”. Democracia Capitalista x Ditadura do Proletariado.
     Em outro capítulo ocorre uma manifestação dos trabalhadores braçais de uma marmoraria, na frente da MARMOREAL por questões ambientais. Liderando o grupo de trabalhadores estava o próprio Waldomiro com o apoio de Carlota Valdez. Em certo momento ela pega um megafone e diz: - Repitam o que vocês sempre dizem: - “O POVO UNIDO, JAMAIS SERÁ VENCIDO!”. “O POVO UNIDO, JAMAIS SERÁ VENCIDO!”
     Perguntado a Maria Regina (a vilã) que movimento ela aquele ela responde que é o pessoal da A.M.A. Uma associação de qualquer coisa, cujo objetivo era defender os trabalhadores. Estava criado o “embrião” dos futuros MST, MTST, etc.
     Não por acaso o professor e filósofo OLAVO de CARVALHO em dos seus vídeos, acusa o sociólogo (ou seria SOCIOPATA?) FHC de ser o fundador do MST.
    

     Observação do escriba: - Com a invasão diuturnamente das residências de milhões de telespectadores brasileiros, com temas que são contra muitos dos valores culturais e morais da nossa sociedade, a população começa a repudiar a programação da emissora desligando seus aparelhos ou mudando de canal. E, surgem até alguns protestos de rua do tipo: - “O POVO NÃO É BOBO! ABAIXO A REDE GLOBO!”. “O POVO NÃO É BOBO! ABAIXO A REDE GLOBO!” Naturalmente os artistas da Rede Globo não participam de tais mobilizações. E o que acontece nas ruas não é transmitido pela própria emissora. Mas, emissoras concorrentes às vezes divulgam as manifestações. E a audiência “Global” começa a cair.    



     O “IMPERADOR do MÁRMORE”, o milionário Waldomiro Cerqueira em nenhum momento da novela “SUAVE VENENO”, aparece portando qualquer tipo de arma. Eis o “Estatuto do Desarmamento”. E por aí vai a debilóide novela.
  
      Como dissemos anteriormente, quando teve início a novela, a então “fanática” mini-telespectadora ELIZA SILVA SAMÚDIO (civil) tinha apenas 13 anos. Ela nasceu no dia 22 de fevereiro de 1985 na cidade de Foz do Iguaçu – PR.
    
     Após assistir a novela “Suave Veneno”, vivendo entre aborrecimentos e dificuldades de toda sorte, a sua mente infantil foi contaminada pela “NOVELA”. Decidiu então imitar a “MARINA” da novela.
     Nem a novela e nem a “Marina” saíam de sua mente. Achava ela que uma ficção poderia se tornar numa realidade. O sonho, um sonho constante, passou a ser desfilar em passarelas como uma modelo famosa. E, além da fama, também ganhar dinheiro. E, se possível, encontrar um “príncipe encantado”, de preferência um jogador de futebol famoso e rico. Quem sabe um jogador como Renildo? (RODRIGO FARO) – (civil).  
    
    
     Abaixo transcrevemos o que foi publicado na Folha de S.Paulo em 2010.      

     São Paulo, quinta-feira, 15 de julho de 2010 – Folha de S.Paulo – Cotidiano – Por ELIANE TRINDADE (civil) - (São Paulo).




Ideia fixa de Eliza era casar com um jogador, diz amiga.
RITA OLIVEIRA (civil) abrigou a ex-namorada de Bruno (civil) por três anos em sua casa no Jaguaré, zona oeste de São Paulo.
"Ela queria apagar que tinha feito filme pornô e que foi uma garota de programa, mas ficou marcada", afirma Rita Oliveira.  

Nos últimos três anos, ELIZA SAMÚDIO (civil) viveu em função de uma ideia fixa: - Encontrar um príncipe encantado no mundo do futebol. "O negócio dela era ir a festas para tentar se aproximar de jogadores", conta Rita Oliveira, que abrigou Eliza em sua casa no Jaguaré, zona oeste de São Paulo durante três anos.
Entre dezembro de 2007 e outubro de 2009 - quando Eliza, grávida de cinco meses, denunciou o goleiro Bruno por agressão -, Rita Oliveira testemunhou a ascensão e queda de uma autêntica "Maria Chuteira". "Infelizmente, ela ganhou esse carimbo e ficou famosa no meio por ter casos com muitos boleiros”.
Na CABEÇA ROMÂNTICA da PARANAENSE, um affair já era namoro. "Ela queria uma relação estável e fantasiava que ia casar com cada jogador com quem se relacionava, mesmo que por uma noite", recorda-se Rita Oliveira.
O goleiro Bruno não foi o primeiro.
Um jogador do Palmeiras, em início de carreira, saiu com Eliza algumas vezes. Ao comentar no clube, soube da "ficha corrida" da namorada. Furioso, nunca mais falou com ela.
O passado condenava Eliza a ser amante. "Ela queria apagar que tinha feito filme pornô e foi garota de programa, mas ficou marcada", afirma Rita.
A história, diz a amiga, se repetiu com Bruno.



ROMANCE


Entre abril e maio, Eliza e o goleiro teriam vivido um romance até ele descobrir que se envolvera com "Eliza São Paulo", apelido que ganhou em "homenagem" ao time.
Ela freqüentava festas, churrascos e camarotes, "mas tinha moral mesmo era dentro do São Paulo, inclusive com dirigentes", conta Rita Oliveira, que teve provas do prestígio ao assistir a um clássico São Paulo x Palmeiras no Morumbi em 2008.

Acompanhada do caçula e de um sobrinho, Rita Oliveira ficou no camarote são paulino. No final da partida, o trio foi levado até a saída do vestiário. "Até brinquei: - "Olha a força da Periguete'", lembra Rita.
Impressionavam o carinho e a intimidade com que os jogadores tratavam Eliza.
O São Paulo reconhece que Eliza visitou por vezes o vestiário como fã, mas não tinha vínculo com o clube.

O desaparecimento da paranaense assusta não só a Bruno. "Tem muita gente do futebol com medo. Ela teve um caso também com um treinador famoso”.
Rita Oliveira não acompanhou os últimos meses de Eliza. "Ela ficou chateada por eu ter dito que filho não é sustento."
A desconhecida que acolheu Eliza num Natal se emociona ao lembrar da garota apresentada por uma amiga. "Ela não tinha aonde ir e ia ficar em casa por dois dias, mas me afeiçoei e ganhei mais uma filha", conta.
      
      

    

     Após atingir a maioridade no ano de 2003 (18 anos) -, Eliza Silva Samúdio, com ou sem a permissão do pai (Luiz Carlos Samúdio) decide ir morar em São Paulo, com o objetivo de realizar os seus sonhos. Tornar-se uma modelo e conquistar um “príncipe encantado”, de preferência um jogador de futebol famoso.
    


     Segundo reportagem feita por Amanda Paixão e publicada no portal HD em 1º de março de 2013, Eliza Samúdio na infância era fã de futebol, e, por 10 anos havia jogado como goleira em um time de futebol de salão em sua cidade natal (Foz do Iguaçu).
    

     Eliza Samúdio ficou abrigada na casa de Rita Oliveira durante três anos aproximadamente. Chegou no Natal de 2003 e ficou por lá durante os anos de 2004, 2005 e 2006 (deixou o local quando tinha 21 anos).
     Em 2007 foi morar no Rio de Janeiro. Não sabemos ainda como e nem com quem ela foi morar. Não temos conhecimento ainda do que aconteceu com Eliza Samúdio durante os anos de 2007 e 2008.
    


     Segundo foi publicado em Realidade no dia 26 de janeiro de 2012, Eliza Samúdio, em outubro de 2009 estava com 24 anos de idade e estava no 5º mês de gestação. E mais. Em outubro de 2009 Eliza Samúdio registra ocorrência contra o goleiro Bruno, alegando que o atleta do Flamengo a havia obrigado a tomar remédio abortivo.    
    


     Segundo reportagem realizada por Maura Ponce de Leon no jornal Extra, em 22 de fevereiro de 2010, diz o seguinte: - Bruno Samúdio ou Bruninho Samúdio veio ao mundo na semana passada, mas só agora a mãe decidiu dar a notícia.
     Bruno Samúdio, suposto filho do goleiro Bruno com Eliza Samúdio, nasceu com 3,658 Kg e 50 cm, na Maternidade Pública Leonor de Barros, em São Paulo. Filho da paranaense Eliza Samúdio que teria engravidado do goleiro do Flamengo após um breve namoro.


    
     Observação do escriba: - Com ou sem tentativa de aborto, Bruninho Samúdio nasce no 9º mês de gestação.


     A modelo ELIZA SAMÚDIO desapareceu no dia 04 de junho de 2010, quando deixou um HOTEL no RIO de JANEIRO, e foi levada para um SÍTIO do goleiro BRUNO FERNANDES (que na época era goleiro do FLAMENGO), localizado em ESMERALDAS, MINAS GERAIS.      

     No dia 08 de junho de 2010, antes da denúncia e após o sumiço de Eliza Samúdio e do filho Bruninho Samúdio, o Range Rover do goleiro Bruno é apreendido em uma Blitz. Vestígios de sangue de Eliza Samúdio são encontrados no Range Rover de Bruno, segundo aponta exames periciais.


    
     Observação do escriba: - Eliza Samúdio foi considerada desaparecida quando tinha 25 anos de idade, e, o seu filhinho Bruno Samúdio, tinha apenas 04 meses de nascido.


     O dia 10 de junho de 2010 é considerado pela Justiça local, a data da morte presumível de ELIZA SAMÚDIO, em MINAS GERAIS, em VESPASIANO. O corpo de ELIZA SAMÚDIO não foi localizado até a presente data (transcorridos oito anos).


    

     Observações do escriba:



     1ª - Um simples caso de Reconhecimento ou não de Paternidade, que poderia ser resolvido apenas com diálogos amigáveis entre duas pessoas, ELIZA SAMÚDIO e BRUNO FERNANDES, virou um escândalo nacional de grande repercussão, porque culminou com o cruel assassinato de uma das partes envolvidas (a mãe de uma criança). Teoricamente “o lado mais fraco da corda”.  

     2ª – O fato só se tornou escandaloso porque BRUNO FERNANDES (o pai ou o suposto pai da criança) era um bem remunerado goleiro do FLAMENGO, um dos times de futebol mais tradicionais, mais famosos e mais ricos do Brasil.

     3ª – As proporções dos escândalos são devidas à fama do FLAMENGO, da fama do goleiro BRUNO e da soma de DINHEIRO envolvida no tenebroso caso (inclusive o salário do atleta), e, principalmente porque envolvia transações comerciais da mais poderosa Emissora de Televisão do Brasil, que, durante décadas, continua mandando e desmandando no futebol brasileiro, inclusive com estreitas e nebulosas negociatas com CARTOLAS, a CBF, a FIFA e seus respectivos patrocinadores.

     4ª – Como o assassinato e o desaparecimento de ELIZA SAMÚDIO envolviam várias pessoas, logo surge uma banca de advogados para defenderem os acusados pelo monstruoso assassinato. Os advogados estão atrás de FAMA e de DINHEIRO. É aqui que entra o advogado ZANONE Manuel de OLIVEIRA Júnior (civil) e seus pares, entre eles o polêmico ÉRCIO QUARESMA FIRPE (civil), um futuro usuário de CRACK, uma droga ilícita “barata” mais altamente prejudicial à saúde.

     5ª – Enquanto CECÍLIA DASSI (civil), que interpreta o papel de Patty (uma atriz-mirim com apenas 09 anos de idade), na novela “Suave Veneno” insinua que o TABAGISMO (droga ainda lícita) provoca PARANÓIA, inúmeras outras drogas ilícitas proliferam rapidamente, sendo estas muito mais prejudiciais à saúde! E o que faz a Rede Bola de Televisão? Fica cega, surda e muda diante de tais acontecimentos.

     6ª - E, eles, os poderosos sabem disto. São estas novas drogas ilícitas responsáveis pelo crescimento e consumo desenfreado por parte das comunidades mais jovens, e que são uma das principais causas de mortalidade no Brasil. Ao lado do consumo crescente de drogas ilícitas, surge o tráfico de armas sofisticadas. A Rede Bola elogia os marginais e critica os policiais. E olha bem! A novela foi transmitida há vinte anos (1999).              

     7ª – A Rede Bola de Televisão haveria de criar um “NOVO CIRCO” para distrair a atenção de parte dos seus “fiéis” telespectadores em relação ao assassinato cruel de ELIZA SAMÚDIO. Já temos aqui um “famoso” advogado ÉRCIO QUARESMA FIRPE envolvido com o CRACK e o goleiro BRUNO, supostamente envolvido com traficantes de drogas e de armas.    

     8ª – Qual será o “NOVO CIRCO”? É o que veremos na próxima PARTE e no próximo ATO.            
                  
    
    
        
     A luta contra a debilitante POLIOMIELITE (paralisia infantil) continua, e a luta a favor da inofensiva AUTO-HEMOTERAPIA, também continua.
      Se DEUS nos permitir voltaremos outro dia ou a qualquer momento. Boa leitura, boa saúde, pensamentos positivos e BOM DIA.
     ARACAJU, capital do Estado de SERGIPE, localizado no BRASIL, Ex-PAÍS dos fumantes de CIGARROS e futuro “PAÍS dos supostos MACONHEIROS ESQUIZOFRÊNICOS”.

    
Aracaju, terça-feira, 27 de novembro de 2018.




       Jorge Martins Cardoso – Médico – CREMESE – 573.




     Fontes: - (1) – INTERNET. (2) – Google. (3) – Wikipédia. (4) – Outras Fontes.


jorge martins
Enviado por jorge martins em 27/11/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


 
Site do Escritor criado por Recanto das Letras