Jorge Martins Cardoso

 

Um eterno aprendiz



Textos

A LIBERDADE... A VONTADE... "ASSASSINOS e TRAFICANTES de COCAÍNA são FUZILADOS na INDONÉSIA" - TEORIA da CONSPIRAÇÃO - 74ª parte -5º "capítulo".




A LIBERDADE... A VONTADE... “ASSASSINOS e TRAFICANTES  de COCAÍNA são FUZILADOS na INDONÉSIA” – TEORIA da CONSPIRAÇÃO – 74ª parte – 5º “capítulo”.



Da INDONÉSIA para um CEMITÉRIO de CURITIBA – 5º “capítulo”.


     Edição do dia 03/05/2015 - 03/05/2015 - 23h03 - Atualizado em 03/05/2015 – 23h03.



BRASILEIRO executado na INDONÉSIA é ENTERRADO no PARANÁ.



     Rodrigo Gularte, de 42 anos, foi preso em 2004 por tentar entrar na INDONÉSIA com seis quilos de COCAÍNA e condenado à morte em 2005.

     Parentes e amigos acompanharam o VELÓRIO de Rodrigo Gularte. O corpo do BRASILEIRO chegou ao BRASIL nesta madrugada e o ENTERRO foi na tarde deste domingo (03).
     Rodrigo Gularte, de 42 anos, foi preso em 2004 por tentar entrar na INDONÉSIA com seis quilos de COCAÍNA e condenado à MORTE em 2005.


Observações do escriba

    
     1ª – O paranaense Rodrigo Gularte foi preso em fragrante, no aeroporto de Jacarta (capital da INDONÉSIA), portando ilegalmente mais de seis quilos de COCAÍNA no ano de 2004.  A COCAÍNA estava “escondida” em pranchas de surfe. Quando ele foi preso tinha 31 anos de idade, aproximadamente. Ou seja, no 2º ano de governo do 1º mandato do então presidente Lula.

     2ª – Somente no ano seguinte (em 2005) é que ele foi condenado à MORTE (já tinha 32 anos de idade, aproximadamente). Ou seja, no 3º ano de governo do 1º mandato do então presidente Lula.  

     3ª – O paranaense Rodrigo Gularte foi FUZILADO na INDONÉSIA em 2015 (já tinha 42 anos de idade, aproximadamente). Ou seja, no 1º ano do 1º mandato da Presidente Dilma Rousseff.  

     4ª – Parece até uma praga. Todavia, temos de ser realistas. O cidadão BRASILEIRO em questão, foi PRESO durante o governo do PT, foi CONDENADO à MORTE durante o governo do PT, e, foi FUZILADO durante o governo do PT.  

     5ª – O espaço de tempo entre a CONDENAÇÃO à MORTE (em 2005), até a data do seu FUZILAMENTO (em 2015), foi transcorrido 10 anos aproximadamente. No “juízo” do paranaense devem ter passados aquelas dúvidas: - A – Algum dia conseguirei a minha LIBERDADE? B – Ficarei PRESO o resto da minha VIDA? C – Será que realmente eu serei FUZILADO?  

     6ª – Em decorrência do TRÁFICO de COCAÍNA (droga ilícita, proibida e perigosa), por parte de um brasileiro em terras estrangeiras, levou a Diplomacia Brasileira a entrar em conflito com a Diplomacia Indonésia. Caíram Diplomatas e subiram Diplomatas. A Imprensa Brasileira e a Imprensa Internacional jogaram lenha na fogueira.  

     7ª – Depois do FUZILAMENTO do paranaense, a Imprensa Brasileira continuou jogando mais lenha na fogueira. O Fogaréu foi tanto que a Presidente Dilma no ano seguinte perdeu o mandato. Dilma não “morreu” por FUZILAMENTO de fuzil. “Morreu” por causa do FUZILAMENTO do FOGARÉU da Imprensa Brasileira. Naturalmente existiram outros fatores. Hoje completa um ano do impedimento da Presidenta (31 de agosto de 2016).    


     Os “ADVOGADOS” apresentaram um “LAUDO MÉDICO” atestando que ele sofria de “ESQUIZOFRENIA” ou “TRANSTORNO BIPOLAR” com características PSICÓTICAS e por isso deveria ser poupado.
     Mas, na última terça-feira (28) a INDONÉSIA ignorou os pedidos de clemência do governo BRASILEIRO e de VÁRIOS PAÍSES.
     EXECUTARAM o Rodrigo Gularte e outras SETE PESSOAS.
     Rodrigo foi o segundo BRASILEIRO a ser EXECUTADO na INDONÉSIA.
     Em janeiro de 2015, o instrutor de voo livre Marco Acher foi FUZILADO, também condenado por TRÁFICO de DROGAS.
     Neste domingo, em CURITIBA, a prima de Rodrigo, Angelita, estava muito emocionada. Ela passou os últimos três meses na INDONÉSIA e foi a única pessoa da família que pode se aproximar do local do FUZILAMENTO.
     Lá, ela contou que ele alternava momentos de delírio e de lucidez, quando revelou que NÃO QUERIA SER CREMADO NA INDONÉSIA.
     O ENTERRO em CURITIBA foi para atender a um dos últimos desejos de Rodrigo Gularte. Ele disse à prima que o acompanhava na INDONÉSIA que queria que o corpo dele fosse trazido para o BRASIL.
     E neste domingo (05), amigos da família contaram que Rodrigo fez ainda mais um pedido, antes da EXECUÇÃO.
     “Não obstante toda a condição dele, de doente, com problemas de ordem mental, ele manifestou a Angelita que A LUTA CONTINUASSE CONTRA a PENA DE MORTE”, afirma Cleverson Marinho Teixeira, amigo da família.



Observações do escriba.


1ª – Após a reportagem surgiram 20 comentários.

2ª – A maioria dos comentários foi a favor do FUZILAMENTO.

3ª – Transcreveremos poucos comentários. No entanto os leitores do presente texto podem ler todos os comentários na INTERNET.



Cláudio Oliveira - há 02 anos.

Ai Rodrigo Gularte,,,,,vai TRAFICAR no inferno kkkkkk se ferrou.


Nosso Jeitinho - há 02 anos.

     Para as pessoas que estão felizes com o FUZILAMENTO destas pessoas, rezem muito para que o próximo BRASILEIRO FUZILADO na INDONÉSIA não venha ser um parente seu.
     Aí quero ver essas pessoas virem aqui dizer que isso é o correto, ou que livraram o mundo de um lixo.
     É muito fácil apontar e julgar, falar bobagens quando se está de fora da situação, mas quero ver ter essa mesma frieza e falta de compaixão estando passando pela mesma situação desses homens e mulheres, ou então estando no lugar dos familiares deles.


Hélio Oliveira - há 02 anos.

     Solidarizar com bandido é fácil! Se ele te roubasse ou mexesse com sua família? Seu discurso puxa-saco seria o mesmo????


Claudio Oliveira - há 02 anos.

     Deixa de ser bocó,,,se for parente meu,,,,fogo nele,,,não mandei ninguém se envolver com coisa errada,,,você é daqueles que, se for parente meu tem que perdoar,,,fala sério,,,você é um sério candidato a cometer nepotismo,,,tá no sangue...se for parente meu, seu, do raio que o parta, não interessa, teve o que mereceu,,,se todos fossem tratados da mesma maneira diminuiria e muito o TRÁFICO de DROGAS.


Camila Marques - há 02 anos.

     Porque ele morreu, ele deixou de ser TRAFICANTE? Na manchete esqueceu-se de mencionar "TRAFICANTE EXECUTADO na INDONÉSIA é enterrado no PARANÁ".


     Jorge Martins Cardoso – Hoje, 31 de agosto de 2017. A manchete deveria ser: - “TRAFICANTE BRASILEIRO, EXECUTADO na INDONÉSIA, é ENTERRADO em CURITIBA”.



     A luta contra a debilitante POLIOMIELITE (paralisia infantil) continua, e a luta a favor da inofensiva AUTO-HEMOTERAPIA (AHT), também continua.
      Se DEUS nos permitir voltaremos outro dia ou a qualquer momento. Boa leitura, boa saúde, pensamentos positivos e BOM DIA.
     ARACAJU, capital do Estado de SERGIPE (Ex-PAÍS do FORRÓ e futuro “PAÍS da BOMBA ATÔMICA”), localizado no BRASIL, Ex-PAÍS dos fumantes de CIGARROS e futuro “PAÍS dos MACONHEIROS”. Quinta-feira, 31 de agosto de 2017.

Jorge Martins Cardoso – Médico – CREMESE – 573.



      Fontes: (1) – Wikipédia. (2) – Outras Fontes.

jorge martins
Enviado por jorge martins em 01/09/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


 
Site do Escritor criado por Recanto das Letras